No âmbito do estudo do Poder Local, da disciplina de Estudo do Meio, o 3.º A teve uma aula diferente. Convidamos a Dra. Helena Couto, Presidente da Junta de Freguesia de São João da Madeira para vir falar das valências da Junta junto à população sanjoanense.

No dia 30 de outubro, as turmas do segundo ano da escola de Fundo de Vila deslocaram-se ao parque do Rio Ul, mais precisamente à casa do forno e ao moinho, para assistir e participar numa das fases do ciclo do pão: a moagem do milho e a confecção artesanal da boroa.
Chovia copiosamente e o rio, em alguns locais mais baixos, ia, atrevidamente, galgando as suas margens, por isso, não pudemos visitar a Casa da Eira como também estava previsto.
Foi uma aula diferente!

Este ano, os alunos do 4º ano da Escola Básica do Parque, tiveram uma visita especial. Recebemos as voluntárias da Ani São João no Dia do Animal, que nos vieram alertar para a problemática do abandono animal, fazendo uma sensibilização para a adoção e importância do voluntariado.

A EB do Parque recebe mais um prémio! Desta vez com um texto para o livro Histórias da Ajudaris.
A turma do terceiro B, titulada pela professora Marisela Oliveira, dinamizou este trabalho no âmbito do tema do Agrupamento Drº Serafim Leite - a água elaborando o texto selecionado "A água que passa pelo rio" que será publicado no fantástico livro acima referido.
Parabéns a todos!

No final do mês de maio de 2019, os alunos, docentes e assistentes operacionais da Escola Básica do Parque, realizaram o seu habitual passeio de final de ano ao Azurara Parque Aventura, em Vila do Conde, onde todos experimentaram a adrenalina da prática de desportos radicais.
Slide, arborismo, passeio de pónei, touro mecânico, insufláveis, carrossel, tiro à lata, trampolim, foram algumas das diversas e divertidas as atividades desenvolvidas. Não acreditam?
Vejam então as fotos publicadas em “Continuar”...

No passado dia 12 de maio, integrado no XIII Festival de Teatro, o grupo “ANIMOPARQUE” voltou com mais uma sessão, com um novo elenco, após um ano de ausência. “Menina Sem Nome”, foi a peça musical apresentada, inspirada na obra de Carlos Cunha Torres, onde foi possível ver muita dança, música, momentos de humor e muita emoção à mistura. A peça retrata a vida de uma menina que nada tem e por isso vive infeliz, num mundo que não tem sentido, até se encontrar com uma Velhinha Sábia que lhe dá a oportunidade de escolher entre dois mundos completamente opostos…

No âmbito da disciplina de Inglês, e a propósito do Dia da Inglaterra, que decorre no mês de abril, os alunos das turmas dos terceiros e quartos anos, das escolas EB1 do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite, puderam experimentar um costume tipicamente britânico - um “English Tea". Num ambiente acolhedor, alusivo à cultura e tradições britânicas, no qual se procurou recriar uma sala de chá, os alunos apreciaram o famoso Afternoon Tea, acompanhado pelos tradicionais scones e outros doces.
Tratou-se de um momento de muita animação, confraternização e de abordagem à cultura inglesa, extremamente enriquecedor e que contou com o entusiasmo de todos os participantes!                                          (Fotos em "continuar")

No passado dia 26 de abril, sexta-feira, houve mais uma edição do "Parque Sim!".
Trata-se de uma atividade "emblemática" da Escola do Parque que se vem repetindo há alguns anos...e cada vez mais divertida e enriquecedora.

No âmbito do concurso intitulado " O papel do exército português na revolução dos cravos", promovido pela Assembleia Municipal de São João da Madeira, as alunas, Leonor Lima, Maria Leonor Santos e Sophia Costa, do 1ºA da EB do Parque, foram vencedoras na categoria do 1º escalão, com uma proposta apresentada em storyboard, fazendo jus à criatividade e liberdade de pensamento! Parabéns pela ousadia!

Carla Cristina Martins Paiva

 

Fotos em "Continuar".

Como acontece habitualmente nos finais do segundo período, realizou-se, pela décima primeira vez, o festival anual de dança da Escola Básica de Fundo de Vila, o “Fundanças”, este ano dedicado ao tema da água: “Goticulando”.
Assim, nos dias 2, 3, 4 e 5 de abril, a Escola encheu-se de danças e de trabalhos, que puderam ser apreciados pelas escolas convidadas e por todos os que a quiseram visitar. As imagens não deixam dúvidas: os alunos, educadores, professores e assistentes conseguiram transformar a escola num imenso mar, onde se juntaram gotas de trabalho, desaguaram rios de inspiração e saltaram ondas de energia. Parabéns à EB de Fundo de Vila. Foi um festival maravilhoso!

AN

No dia vinte e nove de março, eu participei com as turmas A e B do terceiro ano da escola do Parque, numa visita de estudo ao Sealife. Lá eu vi peixes, raias e tubarões. No Sealife demos comida às raias e cheirava muito mal.
Foi muito divertido e nós até vimos anémonas e estrelas-do-mar muito lindas. Foi o melhor dia de sempre!