Realizou-se, na tarde do dia 16 de outubro, nas instalações da nossa escola, uma sessão de trabalho promovida pela Amnistia Internacional, enquadrada no projeto "Escolas Amigas dos Direitos Humanos". Depois da reunião com a direção do agrupamento, esta foi a segunda ação levada a cabo na escola, neste caso tendo como público-alvo o corpo docente.

A sessão foi dinamizada por dois membros da Amnistia Internacional (AI), Andreia Nunes e Luís Braga, que traçaram uma panorâmica muito abrangente, tanto da organização como do projeto "Escolas Amigas". Muito vincada foi a necessidade de envolver toda a comunidade, de a levar a participar e a questionar "como é que nós podemos falar dos Direitos Humanos aos alunos?" Depois, a conversa centrou-se na necessidade de criar uma equipa-base e de dar corpo ao projeto através de ações palpáveis, uma vez que este é sempre um projeto "aplicado às escolas em concreto". Foram recordadas as quatro áreas-chave a considerar na vida escolar: GOVERNANÇA – participação da comunidade escolar na elaboração dos padrões de conduta no espaço escolar; RELAÇÕES – promoção de uma atmosfera de respeito mútuo, dignidade e não discriminação; CURRÍCULO – os estudantes aprendem acerca dos padrões de direitos humanos; AMBIENTE ESCOLAR – toda a comunidade escolar deve ser respeitada e a igualdade, a dignidade e a inclusão devem tornar-se valores intrínsecos.

Os membros da AI aproveitaram para caraterizar aquela organização, em termos gerais, e para falar das ações concretas que a AI promove com alguma regularidade: "Maratonas de cartas", concursos, campos de férias...

Na parte final da sessão, os presentes foram divididos em grupos, para procederem a uma análise "SWOT" (forças, fraquezas, oportunidades, ameaças) que permita dar consistência à prossecução desta iniciativa, coordenada, no nosso agrupamento, pela professora Cláudia Proença. A partir de agora, o projeto procurará estruturar-se e abranger outras áreas de comunidade educativa.

1-IMG 0608

2-IMG 0615

3-IMG 0609


Blogue da Biblioteca Escolar

  • Plataforma LER

    Sep 16, 2020

    Plataforma LER O Plano Nacional de Leitura (PNL2027) e a Fundação Belmiro de Azevedo – EDULOG – lançam publicamente a Plataforma LER – Leitura e Escrita: Recursos, numa sessão online, no dia 22 de setembro, às 15:00h.O programa e outras informações poderão ser consultados no portal no[…]

    Read more...
  • Fotografias da Matilde Bessa para o concurso

    Jul 24, 2020

    Fotografias da Matilde Bessa para o concurso A Matilde Bessa do 6.ºB também participa no concurso Fotografa Livros da Biblioteca. As fotos estão espetaculares! Boa, Matilde! Continua a olhar para os livros com esta imaginação! E se a imaginação é tão boa é porque também és uma[…]

    Read more...
  • Receit@r: O Coração e a Garrafa de Oliver Jeffers

    Jul 18, 2020

    Receit@r: O Coração e a Garrafa de Oliver Jeffers O Dinis Costa, o Pedro Bento e o Francisco Ferreira, do 5.º ano, os nossos médicos de leitura especialistas no problema “Não Saber as Coisas” sugerem a leitura do livro O Coração e a Garrafa de Oliver Jeffers.Segundo os nossos[…]

    Read more...
  • Serviço Nacional de Terapia da Leitura sempre em ação

    Jul 17, 2020

    Serviço Nacional de Terapia da Leitura sempre em ação O SNTL continua a trabalhar e a receit@r a leitura todos os dias para poder curar as maleitas que nos atingem. Desta vez, os alunos Diva, João e Soraia, do 5.ºA, preocupados com o problema da falta de solidariedade e[…]

    Read more...
  • Marcar a Leitura com o 12B

    Jul 16, 2020

    Marcar a Leitura com o 12B Os livros são sempre bons companheiros e a leitura é sempre um momento de evasão prodigioso numa altura em que o desconfinamento ainda é um cenário a ter sob vigilância. Os alunos do 12.ºB criaram marcadores para, com muito estilo,[…]

    Read more...

Memórias da Serafim

  • Os finalistas de 1972/73

    Sep 23, 2020

    Os finalistas de 1972/73

    Read more...
  • Os livros de finalistas

    Sep 22, 2020

    Os livros de finalistas Estas publicações anuais eram excelentes registos para memória futura das realizações culturais levadas a cabo e, ao mesmo tempo, indeléveis assentamentos dos nomes e faces das gerações que passavam pela escola. No exemplar que agora se digitaliza, cuja oferta muito[…]

    Read more...
  • Os deveres do aluno

    Sep 14, 2020

    Os deveres do aluno No tempo do Estado Novo os deveres do alunos eram bem divulgados. Da ficha dos alunos constava a lista que se mostra. Atuais, ou não, eis um registo numa caderneta de um aluno que se extraiu do excente facebook dos[…]

    Read more...
  • As Fichas

    Sep 14, 2020

    As Fichas De uma escola se espera recolha de dados permanente. Em outras eras as coisas eram mais românticas, mais palpáveis. Hoje as fichas foram substituídas por tabelas exel, mais completas mas também mais assépticas. Aqui ficam dois exemplos, devidamente ocultados, porque[…]

    Read more...
  • A Rita

    Jun 29, 2020

    Querida Serafim Leite,Acabou…Acabou o tempo de caminhar todos os dias pelo teu chão, o tempo de sentir a tua alegria por entre as paredes. Acabou o tempo de receber, dentro de ti, os melhores abraços e os mais sábios conselhos.[…]

    Read more...

Por aqui...

Temos 20 visitantes e 0 membros em linha