Decorreu, hoje, no palco da Casa da Criatividade, a conferência de imprensa de apresentação da décima terceira edição do Festival de Teatro de S. João da Madeira. Às ordens da encenadora Manuela Balseiro, apresentaram-se, na boca de cena, quatro atores, representando quatro personagens: Jorge Sequeira, no papel de Presidente da Câmara, Anabela Brandão, como Diretora do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite, a anfitriã Gisela Borges, da Casa da Criatividade, e Cristina Reis, do projeto "Espaço Aberto". Cenário simples: uma cadeira, diferente das doze cadeiras anteriores, porque, neste Festival, nada se repete, a não ser o entusiasmo dos que o fazem.


Na plateia sentaram-se algumas dezenas de atores-espetadores, entre jornalistas, representantes dos grupos de teatro e atores, equipa técnica da Casa, e quem mais quis assistir ao primeiro ato.
Na sua fala de abertura, a atriz Anabela Brandão referiu-se às escolas e aos grupos que fazem o Festival, falou do cansaço e da sua teatral superação terapêutica, porque “fazer teatro é um gosto”. A “deixa” ficou para Jorge Sequeira, “aquilo que acontece em S. João da Madeira não acontece em mais lado nenhum”, porque só aqui se compreende e se cumpre “a missão de educar através do teatro, combatendo o isolamento e trabalhando pela inclusão social através da arte”. E prometeu: “vamos recolher os textos das peças, porque são peças originais, vamos transformá-las em património, porque é de património que se trata”. Este ano são vinte e quatro peças em locais tão diversificados como uma fábrica, os Paços da Cultura, a Casa da Criatividade e até os autocarros do TUS! A personagem Cristina Reis, depois de concluir que “pelo Festival de Teatro estamos a chegar ao ser humano”, aproveitou para publicitar a próxima edição de “Palcos e Cenas”, uma realização paralela ao festival e que, este ano, decorrerá num espaço comercial, com o tema “Tecer a vida”, um trabalho a orientar pela professora Teresa Margarida Brandão. Gisela Borges, no papel de contrarregra, falou dos bastidores, do aliciante e exaustivo trabalho de programação e manifestou total confiança na equipa da Criatividade, convencida de que “todos irão fazer o melhor”. Depois, mostrou o programa e falou dos locais e das formas de adquirir os bilhetes.
Está tudo a postos! Vamos ao Teatro!

Celestino Pinheiro

FT1 IMG 6198

 

FT IMG 6198

 

FT2 IMG 6198