Nesta primeira fase do ano letivo, os alunos da Serafim Leite assumiram, desde cedo, um novo compromisso: lutar por um lugar na Assembleia Municipal Jovem, cujo projeto avança já para o seu 3.º ano de existência. Na senda de um contributo real, partindo do tema “S. João da Madeira, uma cidade amiga e sustentável”, os 26 alunos candidatos (18 efetivos e 8 suplentes) deram, então, os seus primeiros passos: um, dois, três…


Deste modo, até aos finais do mês de outubro, os alunos, do 4.º ao 12.º anos de escolaridade, em todo o nosso Agrupamento, deram início à formação da sua lista candidata, resultando em duas, a C e a M. Posteriormente, ambas elaboraram o seu programa eleitoral (3 medidas e respetivos argumentos), versando diferentes pontos de atuação, a fim de se promover o bem-estar social das pessoas, em especial das mais desfavorecidas, mas tendo, sempre, em conta uma estratégia de desenvolvimento sustentável.
Lista C:
1. Implementação, na cidade, de um mecanismo de recolha e reciclagem de plásticos, o “Plastic Recycle Machine”, que funcionaria segundo um sistema de recompensas dirigidas ao consumidor, de modo a preservar o ambiente sanjoanense.
2. Criação de um Banco de Horas Amigas, estruturado em polos de ação distintos, focado no acompanhamento gratuito a idosos e crianças, sendo o mesmo regido por um sistema de voluntariado, quer ao domicílio, quer in loco, levado a cabo, sobretudo, por jovens.
3. Instalação, em locais estratégicos da cidade, de postos de aluguer de bicicletas e de trotinetes, atendendo à escolha atual dos jovens, no que diz respeito ao seu modo de deslocação, ajudando, sobremaneira, o meio ambiente e a saúde dos cidadãos.

Lista M:
1. Criação de uma “Feira do Emprego” local, com realização bianual, com o objetivo de se promover o intercâmbio entre empresas ou entidades recrutadoras/empregadoras da área concelhia e potenciais candidatos (sobretudo jovens e ou desempregados) que, desta feita, poderão habilitar-se às vagas ou programas de recrutamento disponibilizados pelas mesmas, desenvolvendo-se, igualmente, o mercado urbano.
2. Promoção e incentivo à criação de Associações de Moradores, em várias zonas do concelho, para que, de forma solidária e comprometida, zelem pelo seu espaço e atendam às mais variadas necessidades da comunidades.
3. Desenvolvimento de um Centro Utilitário, ao dispor da comunidade sanjoanense, que contaria com a presença de profissionais (professores e psicólogos), contratados pela Câmara Municipal, seguindo os trâmites concursais, em regime pós-laboral, e ou de jovens voluntários, que poderão, assim, enriquecer o seu currículo, dirigido a adultos de outras nacionalidades, recentemente chegados à cidade, assim como a pessoas iletradas e ou que revelem pouco ou nenhum conhecimento na área da Informática.

Após esta fase, de 4 a 12 de novembro, as listas procederam à sua campanha eleitoral, defendendo, de forma original, de porta em porta, até, as suas medidas de atuação, contando, no dia 12, com a visita da Presidente da Assembleia Municipal, Dr.ª Clara Reis.
Contudo, chegava o dia da grande decisão: quem representaria, efetivamente, o nosso Agrupamento no Fórum Municipal, ao longo de todo o ano letivo? Eleições perduraram, em todos os recantos serafinos (Fundo de Vila, Parque, SL2 e escola sede), ao longo do dia, com alguma ansiedade à mistura, momento durante o qual 641 alunos, do 1.º ao 12.º anos, exerceram o seu direito de voto.
Após o fecho das urnas, teve lugar a contagem dos votos, processo levado a cabo pelas professoras organizadoras do projeto, Cristina Correia e Dina Sarabando, por membros da Direção, as professoras Anabela Brandão, com o seu estimável apoio, e Cristina Tavares, assim como por membros das duas listas candidatas. No final das contas, os números não deixaram margem para dúvidas no que diz respeito à escolha das crianças e dos jovens da Serafim Leite: 200 votos para a lista M, liderada pelo aluno Pedro Aguiar (12.º B), e 415 para a lista C, liderada pela aluna Sofia Paiva (11.º B).
Porém, independentemente da contagem final, todos os 26 envolvidos estão, indubitavelmente, de parabéns pelo seu exímio empenho e pela sua saudável entrega a esta iniciativa. E, sobretudo, porque marcam pela diferença, pelo seu otimismo e pela sua preocupação pela vida da sua cidade.
Terminado todo este longo procedimento inicial, há que pensar, já, nas próximas etapas! Os nossos serafinos sabem bem disso! Parabéns a todos!

Dina Sarabando e Cristina Correia

Para veres fotos das várias fases do processo eleitoral, clica em

AMJ - Processo eleitoral

AN AMJ2

 

AN AMJ

 

AN AMJ1

 

AN AMJ4