No dia 18 de abril de 2018, 16 alunos do 8.º B, 8.º C, 9.º A e 9.ºB, precedentemente inscritos no programa “Eu sou Europeu” e após uma prévia preparação - que proporcionou inúmeras viagens à volta do nosso continente - e uma organização que já é parte integrante da nossa identidade, partiram rumo à capital para uma nova etapa que seria (e foi) o corolário dos seus conhecimentos.


Assim, às 6h30, já de olhos bem abertos, os jovens aventureiros saíram de S. João da Madeira com uma missão em mente: representar, dignamente, o Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite, em Lisboa, no Centro Europeu Jean Monnet, demonstrando as suas aprendizagens. Para a longa viagem, e aproveitando o saudável convívio, os alunos levaram na bagagem o seu material de estudo que foram relendo, questionando-se mutuamente e lançando eventuais dúvidas às docentes.

Sempre às voltas nas complicadas ruas de Lisboa, os serafinenses, em busca da sua Europa, chegaram ansiosos ao seu destino, cerca das 11h00.
Recebida de forma muito calorosa e agradável, a comitiva da Serafim Leite foi, após as apresentações e as saudações iniciais, conduzida a um espaço que nos permitiu dizer: “Isto é, afinal, o espelho da Europa!”, uma vez que aqui está o Gabinete de Informação do Espaço Público, conhecido como Espaço Europa, criado por iniciativa conjunta da Representação da Comissão Europeia e do Gabinete de Informação do Parlamento Europeu em Portugal, no qual se promove o conhecimento e o debate dos temas da União Europeia, contribuindo para o exercício de uma cidadania ativa.
Encontrámos um espaço decorado com mapas e com a palavra “Europa”, em múltiplas línguas, o que suscitou, tal como a exposição sobre temas pertinentes da União Europeia ali presente, interesse e curiosidade em todos.
Terminado este momento cultural, os alunos foram-se acomodando no espaço contíguo onde teria lugar a palestra sobre a dinâmica europeia (construção, cidadania e instituições), preparada pela nossa simpática e prestável guia. E, por fim, chegava o momento mais ansiado e também aquele que acarretou um maior nervosismo na jovem equipa que manteve (e mantém) bem vivo o sonho de voar para Bruxelas: a prova nacional. Bem confiantes, os alunos cumpriram o seu trabalho, restando, agora, esperar pelos resultados…
De seguida, todos foram – professoras e alunos – presenteados com materiais pedagógicos (que contribuirão, com certeza, para uma bagagem cultural europeia mais vasta), bem como um lanche bastante agradável e que, diga-se de passagem, foi bem merecido e tão bem soube depois da longa viagem e do esforço despendido na resolução do teste.
Despedidas e agradecimentos levados a cabo, dirigimo-nos para a Rua Barata Salgueiro para apanharmos o nosso autocarro.
Tal como prometido e previsto, almoçámos no Mc Donald’s, na zona de Belém, procurando retemperar as energias, momento que proporcionou um alegre e saudável convívio entre todos.
Pelas 15h30, demos início ao nosso percurso pedonal, começando por apreciar o refrescante Jardim de Belém, pois a temperatura já nos fazia sentir os tempos de estio. Seguidamente, fomos visitar o magnífico Padrão de Descobrimentos, um monumento de homenagem aos feitos marítimos e aos navegadores portugueses, visitado por milhares de pessoas, todos os anos, como podemos comprovar, tendo subido cerca de 50 metros de altura que nos proporcionaram uma vista fabulosa da cidade. Ainda no padrão, apreciámos uma exposição – um pouco aterradora – que nos fez vivenciar alguns mistérios sentidos pelos nossos nautas renascentistas, denominada “A espantosa variedade do mundo”. Já em baixo, apreciámos a rosa dos ventos, esculpida em pedra, um presente da República da África do Sul, assim como as figuras históricas que se encontram posicionadas no exterior do monumento, em cada lateral, encabeçadas pelo Infante D. Henrique. Uma vez que o tempo urgia para o regresso, os mais gulosos aproveitaram os derradeiros momentos para comprar (e comer) os célebres pastéis de Belém, um momento único para a despedida deste dia emocionante!
A visita, por esta altura, já estava a chegar ao fim e, às 16h30, sensivelmente, já com o aprazível cansaço de um dia bem passado, os alunos tomaram, então, consciência de que era chegado o momento de regressarmos a outra “pátria”: a nossa escola!
Por fim, pelas 20h30, chegámos à nossa Serafim, exaustos mas felizes, por esta nova e inolvidável experiência.

 

Para veres todas as fotos. clica em:

"Eu sou Europeu"

 

AN europeu IMG 3032

 

AN1 europeu IMG 3032